quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Você supera

Você pensa muito nas pessoas, menina.
Mais uma vez você quebrou cara,
Você se desestruturou toda, mas pra quê?
Me diz ...

Você acreditou em tudo que estava escrito,
Mas eu não tiro sua razão,
Era lindo ler e imaginar aquilo.
Uma doce ilusão.

Você revirou sua bagunça,
Se achou na do outro
E quando achou que ia sair da confusão
Te empurraram lá pra dentro de novo.

Pobre menina, tão ingênua,
Acreditou no contador e virou o conto.
Quando ia se arriscar a dançar,
Perdeu o par.

Ficou sozinha na pista de dança,
E não foi por falta de aviso, nem de convites.
Mas você bem que tinha notado,
Seu sexto sentido é forte.

O passarinho não te contou,
Você mesma quem viu.
Aquele sorriso era lindo,
Pena que tirou o seu.

Volta pra casa, se ajeita na sua confusão.
Aquele chá que cê esperava companhia,
Toma ele sozinha,
Enquanto enrola o fio da coragem.

Ei menina, levanta a cabeça,
Joga o cabelo pro lado,
Veste esse sorriso
E desfila essa simpatia.

Você não tem culpa se pessoas brincam com sentimentos,
Me promete uma coisa?
Não perca a mania de acreditar no melhor das pessoas
Se elas te magoam, quem perde são elas,
Você supera!

Foto: Tumblr