quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Deseja a ti

Deseja a ti flores de todas as cores.
Deseja a felicidade escondida,
Por trás daqueles olhos brilhantes
Que te olharam quando você a presenteou com flores.

Deseja o sorriso de um estranho
E um abraço de um velho amigo que há tempos não vê.
Deseja cada estrela que no céu brilha
E cada cometa que feliz cai.

Deseja a inocência de uma criança,
Mesmo sabendo que já conhece a vida.
Deseja o frio na barriga,
Daqueles que traz sensação boa.

Deseja fim de tarde com companhia
E nascer do Sol com pensamentos bons.
Deseja que você se abra mais, sorria mais
E se estresse menos, bem menos.

Deseja que alguém seja por você,
Tudo aquilo que ela não foi capaz de ser.
Deseja que não exista medo,
Dúvidas e nem situações difíceis.

Deseja que isso seja eterno,
Mesmo não sendo.
Deseja que seja lembrado como algo que foi bom,
Quando foi,  quando tentou e também não sendo.

Deseja que as lembranças boas fiquem,
Que as ruins evaporem,
Mas que esse bem precioso que dura há tempos,
Seja guardado dentro do coração, porque lá tem bastante espaço.

Deseja que se não aconteceu em uma vida passada,
Que aconteça na próxima.
Algo tão bonito assim,
O universo não pode deixar passar em branco.

Foto: Tumblr